Páginas

VERSO
VOZ

14.8.10

Novamente

Nesta terra que já não via sol
anoiteço novamente
inverno pleno, denso, absoluto

Úmidas e cálidas noites de verão
com cheiro de céu estrelado
é só o que resta; lembrança e o aroma noturno
que preenche o espaço
deixado por um verão que amanhecera tão inesperadamente
e como esperei por esse verão!